AVISOS da SEMANA

AVISOS:

Todas as segundas-feiras – 19:00h – Intercessão.

22 a 24/09 – sex – 21h30 – Encontro com Deus (inscrições Dca. Eliane)

23/09 – sáb – 19h30 – RJA Rede de Jovens JUMP

29/09 - sex - 20h - RCA Rede de Casais - Decorando a casa com Amor.

30/09 – sáb – 10h – RIA – Treinamento da equipe

07/10 - 19h30 - 15. Aniversário Igreja Águas Mooca

21/10 - 18h - 21. Aniversário Igreja Águas Sede (Rua Laguna 940 - Jd.Caravelas)

Postagens

Células nas casas - confira a mais próxima de você.

. 2ª feira......... 19h Culto de Intercessão
20h15.. Escolas Líderes e Teológica
. 5ª feira ........ 20h.... Culto

. 6ª feira ....... 20h ... Rd da Família (confira agenda)
. 6ª feira ....... 20h ... Rd adolescentes(confira agenda)
. Sábados...... 19h30.. Rd de Jovens (confira agenda)
. Domingos... 16h45... Pós Encontro e Esc. de Líderes
. Domingos... 10h e 18h..... Culto de Celebração

terça-feira, 30 de março de 2010

A alegria do Senhor é a nossa força!

Deus tem me incomodado por buscar revelação do que é realmente servir ao Senhor e gerar frutos. Abaixo reportagem para nos fazer refletir sobre o assunto:
“Será a felicidade necessária?” – Revista Veja – Roberto Pompeu de Toledo – Edição do dia 24/Março/2010
PIB per capita dos EUA, em 35 anos, passou de US$ 17.000 para US$ 27.000 (ref. PIB 2008 per capita Brasileiro era de R$ 15.240 (equivalente a cerca de US$ 8.500).
Neste mesmo período as famílias que passaram a ter computador em casa saltaram de zero para 70%.
Ainda assim, neste mesmo período, o percentual dos que se consideram felizes não se moveu.
Outro livro, de um professor da Universidade de Maryland, informa que os nigerianos, com seu PIB per capita de US$ 1.400, atribuem-se grau de felicidade idêntico aos dos japoneses, com um PIB per capita 25 vezes maior.
Os habitantes de Bangladesh (pais asiático próximo à Índia), se considerando duas vezes mais felizes que os Russos, que são quatro vezes mais ricos.
Os afegãos, país em plena guerra e com intervenções militares constantes dos EUA, atribuem-se um bom nível de felicidade, e a felicidade é maior nas áreas dominadas pelo Talibã.
Primeira conclusão óbvia da reportagem: Dinheiro não traz felicidade
Segunda conclusão sobre a reportagem: nosso contexto social e de vida influencia muito no que entendemos como ideal de felicidade!
O que nós tiramos de proveito disto: Reavaliar o que são os nossos padrões de alegria e satisfação pessoal e, muito mais do que isto, avaliar, pela Palavra de Deus, onde alcançaremos a alegria completa.
. Encontramos 248 referências sobre a palavra “alegria” na Bíblia (NVI), abaixo algumas delas:
“Como o Pai me amou, assim eu os amei; permaneçam no meu amor. Se vocês obedecerem aos meus mandamentos, permanecerão no meu amor, assim como tenho obedecido aos mandamentos de meu Pai e em seu amor permaneço. Tenho lhes dito estas palavras para que a minha alegria esteja em vocês e a alegria de vocês seja completa.” – Jo 15:9 a 11.
Aqui Jesus nos mostra o primeiro caminho para alcançarmos a alegria: obedecer os mandamentos do Senhor.
“Todos os dias, continuavam a reunir-se no pátio do templo. Partiam o pão em suas casas, e juntos participavam das refeições, com alegria e sinceridade de coração, louvando a Deus e tendo a simpatia de todo o povo. E o Senhor lhes acrescentava diariamente os que iam sendo salvos.” – At 2:46 e 47
Este versículo nos apresenta um modelo de comunhão, crescimento e alegria para o povo de Deus.
“Quando a multidão ouviu Filipe e viu os sinais miraculosos que ele realizava, deu unânime atenção ao que ele dizia. Os espíritos imundos saíam de muitos, dando gritos, e muitos paralíticos e mancos foram curados. Assim, houve grande alegria naquela cidade.” – At 8:6 a 8
Ver a realização, a graça e a obra do Senhor se manifestando é motivo de grande alegria!
“A palavra do Senhor se espalhava por toda a região... Os discípulos continuavam cheios de alegria e do Espírito Santo.” – At 13:49 e 52
Não é coincidência a palavra do Senhor se espalhar grandemente e os discípulos continuarem em grande alegria!
“Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio.” – Gl 5:22 e 23
A Alegria é uma marca daqueles que andam em comunhão com o Espírito Santo de Deus.
“Nenhuma disciplina parece ser motivo de alegria no momento, mas sim de tristeza. Mais tarde, porém, produz fruto de justiça e paz para aqueles que por ela foram exercitados.” – Hb 12:11
Aqui um versículo que parece não “combinar” com os demais estudados, mas ele é fundamental para entendermos que a vida com Deus não é um “grande barato” ou uma “anestesia mística” de alegria. É sim o exercício de uma posição, a nossa posição em sacrifício vivo, santo e agradável em Cristo Jesus, nosso Senhor!
“Meus irmãos, considerem motivo de grande alegria o fato de passarem por diversas provações, pois vocês sabem que a prova da sua fé produz perseverança. E a perseverança deve ter ação completa, a fim de que vocês sejam maduros e íntegros, sem lhes faltar coisa alguma.” – Tg 1:2 a 4
Aqui Tiago nos mostra que o padrão do Senhor para a alegria é totalmente diferente do padrão deste mundo! A nossa maturidade e o alcance da plena alegria passa por provações, crescimento e busca de maturidade e integridade, é um processo longo, mas maravilhoso!
Abaixo três registros, das cartas do Ap. Paulo, indicando qual era o padrão máximo de alegria para ele:
“Escrevemos estas coisas para que a nossa alegria seja completa.” – 1 Jo 1:4
“Tenho muito que lhes escrever, mas não é meu propósito fazê-lo com papel e tinta. Em vez disso, espero visitá-los e falar com vocês face a face, para que a nossa alegria seja completa.” – 2 Jo 1:12
“Não tenho alegria maior do que ouvir que meus filhos estão andando na verdade.” – 3 Jo 1:4
Assim como nos registros de Atos, o Apóstolo Paulo encontrou máxima alegria na realização da Obra do Senhor. Nestes últimos tempos ouvi de um Pastor de uma grande Igreja no Brasil: “Como pode alguém não ser Pastor? Não existe maior alegria do que realizar a Obra do Senhor!”
Em Neemias 8:10 a Palavra do Senhor diz que a Alegria do Senhor é a nossa força!
“Ok, Pastor... Mas como eu consigo, de forma prática, alcançar esta alegria?”
Entendendo que não existe outra forma de encontrar a alegria verdadeira, permanente e plena: apenas no Senhor Jesus Cristo e no significado da Cruz!
Nós precisamos entender qual é o propósito central da Biblia: Nos tornar templos do Espírito Santo, plenos da alegria do Senhor na realização de Sua Obra e permitir a vinda do Nosso Senhor Jesus Cristo, que nos levará para a Nova Jesuralém!
Entendi, e o que faço agora?
1º Passo: Peça!
“Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. Pois todo o que pede, recebe; o que busca, encontra; e àquele que bate, a porta será aberta.” - Mateus 7:7 e 8
“Até agora vocês não pediram nada em meu nome. Peçam e receberão, para que a alegria de vocês seja completa.” – Jo 16:24
Não é por que o Senhor nos fez promessas que temos que descansar aguardando a benção chegar! Temos que pedir ao Senhor pelo cumprimento das Promessas! Os teus pedidos irão demonstrar a sua fé, a sua perseverança.
Na dificuldade, a nossa religiosidade faz com que interpretemos o silêncio de Deus como uma negativa, então facilmente criamos argumentos para as nossas dificuldades. Ao invés de buscarmos em Deus o que está impedindo de não recebermos, criamos argumentos a respeito do assunto!
Hoje nós entendemos que pedir por necessidades pessoais e bênçãos trará conforto momentâneo, mas a alegria plena e verdadeira nós só encontraremos pedindo e buscando a Obra do Senhor!
Você tem buscado apenas as suas necessidades? Ou você tem buscado as coisas do Reino? Você tem falado de Jesus? Você tem discipulado ou se capacitado para isto?
Mas vocês realmente crêem que a vontade do Senhor é simplesmente encher a nossa Igreja? Ou ele quer estabelecer seus alicerces em nossas vidas? O Senhor quer nos curar e nos ensinar a caminhar em Alegria pelo que já recebemos, ele quer nos fazer perseverar!
Precisamos orar todos os dias, precisamos clamar a Deus! Quantos de nós temos tantos argumentos para não andar? Quantos já vieram em horários de oração, e por que neste horário não havia ninguém, você nunca mais voltou? O que o Senhor quer tratar conosco?
A nossa fantasia é encontrar fórmulas para andar com Deus, mas a nossa vida é baseada em relacionamento! Por que pedir? Por que demonstramos carência, dependência, quem pede se humilha, quem pede se coloca em posição inferior, só assim Deus pode fazer também!
Seja específico com Deus, você tem pedido um número de discípulos? Você tem pedido vidas para o próximo Encontro? Na medida em que pedimos, o Senhor nos concede e é a maneira Dele nos enriquecer, nos fazer crescer em fé e perseverança!
Ah, se você não está recebendo, por que? Talvez esteja faltando você ser tratado por Deus! Talvez esteja faltando a compressão do Amor de Deus!
“Qual de vocês, se seu filho pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou se pedir peixe, lhe dará uma cobra? Se vocês, apesar de serem maus, sabem dar boas coisas aos seus filhos, quanto mais o Pai de vocês, que está nos céus, dará coisas boas aos que lhe pedirem!” – Mateus 7:9 a 11
Deus quer fazer, pois ele nos ama! Se Ele não está fazendo, pergunte por que! Ele vai falar com você, mas preste atenção, pois muito de nós ouvimos o que Deus tem falado e ignoramos! Ouvimos em Sonhos, em pregações, em ministrações de célula, mas fingimos que não é Deus falando conosco!
O processo às vezes é longo! Não esmoreça, não desista da vontade de Deus, entenda que Ele precisa formar alicerces na sua vida!
2º Passo: Deseje intensamente!
Deus pode restaurar todas as coisas! Deus pode transformar todas as coisas! O que qualifica e habilita este processo é o desejo intenso, é a fome e sede pela transformação e pela frutificação!
Quando o crescimento da Igreja ou da sua célula for uma “santa obsessão”, aí sim Deus irá operar na sua vida! Quem tem esta santa obsessão não desiste, não para de orar, não retrocede, não teologiza para tentar justificar a não resposta do Senhor!
Se você deseja algo para você e este desejo está totalmente de acordo com a vontade de Deus para a sua vida: Ele o fará! Deus é bom, mas nós limitamos a bondade do Senhor!
3º Passo: Entenda a Graça do Senhor!
“Todavia, Deus, que é rico em misericórdia, pelo grande amor com que nos amou, deu-nos vida com Cristo, quando ainda estávamos mortos em transgressões pela graça vocês são salvos. – Efésios 2:4 e 5
A salvação não é para quem merece, quem julga merecer já perdeu, quem acha que já fez por onde já perdeu!
“Eu sou bom, eu rezo o terço, eu vou a missa todo domingo, eu dou esmolas” – nós ouvimos isto e ficamos indignados, por que entendemos que a salvação é pela Graça!
Mas quantos de nós temos outro conceito para as bênçãos de Deus! Quantos de nós temos nos esforçado achando que as obras do Senhor só serão cumpridas pelo nosso suor e pelo nosso esforço!
O processo para reconhecer isto às vezes não é simples. Por que vemos pastores problemáticos sem muito abençoados? Isto não nos incomoda?
Muitos tem a sensação constante de que não fizeram o suficiente! E a sensação de que Deus não está contente com eles! O que acontece com estes irmãozinhos? Eles ainda não descobriram a Graça do Senhor!
Nós não oramos para convencer Deus de alguma coisa! Deus é Deus e já tem bons planos para as nossas vidas! Deus não precisa de nada!
Querido, Deus não precisa da nossa adoração para poder agir, Deus não precisa da nossa intercessão para poder agir, quem precisa orar e adorar somos nós, quem precisa interceder somos nós. Por causa do veneno que o diabo injetou em nós para “querermos ser deus”. Por causa deste veneno, injetado a partir do pecado de Adão, nós precisamos nos humilhar! Só vencemos quando nos humilhamos e O buscamos! Nós é que precisamos depender de Deus. Enquanto não entrarmos neste descanso, nós não veremos uma grande obra!
Quando a obra for de Deus, ela irá crescer, quando você tenta agradar a Deus pelo seu esforço, você sai da Graça!
Vocês conseguem imaginar a Sara, que deu a luz com 90 anos! Isto é Graça! Não existem fórmulas, não existem segredos! Se você descobrir o segredo do crescimento de uma Igreja, fuja dele! Pois é humano! Só é Isaque se você não consegue gerar, se você consegue é Ismael.
Se é algo impossível para você, aí é Graça, aí Deus é honrado! O Senhor está te dando além do que você pediu! Debaixo da Graça existe um santo descanso!
Fora da Graça nós nos sentimos acusados e queremos fazer tudo para compensar as acusações do diabo em nossas vidas, acusações de que não fazemos nada, angústias, sentimento de que Deus está nos vendo com falhas.
Quando andamos pela Graça, nós andamos com um sentimento de dependência completa, neste sentimento buscamos o Senhor em desespero santo e vemos a Glória do Senhor se manifestar, e só assim conseguimos descansar no Senhor! Conscientes de que foi Ele que operou e que, se dependesse de nós, nada daria certo!
Nós pastores subimos aqui dependentes de Deus, cientes de que não oramos o suficiente, cientes de que não buscamos e estudamos a palavra o suficiente, trazemos palavras de livros que nos tocaram profundamente mas não são nossas, fomos chamados apesar de nós! Este sentimento gera um “desespero santo” que nos faz nos humilhar diante do Pai, e quanto mais nos humilhamos, mais a Graça de Deus pode se manifestar em nós! Não existe outra forma!
Não há nada que nos constrange mais do que a Graça do Senhor, por que vemos que não merecíamos nada do que Deus está fazendo! Ficamos constrangidos pela benção e vemos que Deus pode abençoar qualquer um. E isto nos conforta! Isto nos consola! Não as nossas obras, mas a Graça do Senhor!
Recebemos a Jesus pela Graça, e agora iremos andar pela Graça, mediante a fé! Não tentar fazer por merecer! Os que julgam merecer não têm, e os que têm não merecem, entre para o time dos que não merecem logo!
Muitos sentem que não oraram suficiente, que não fizeram o suficiente, pare já com isto, pois isto é religiosidade! Você não tem que primeiro largar os seus vícios para vir à Cristo, você não tem que ser perfeito! Venha como você está! Pois é pela Graça que Deus fará! Não existem os que estavam “prontos” e viraram crentes!!!! É assim que Deus fará em nossos ministérios! Só os incapacitados e os que não merecem verão a Glória do Senhor!
4º Passo: Seja como uma criança!
Ministérios que crescem são ministérios apaixonados, a maior expressão de paixão é lidar com o ministério como um menino lida com um brinquedo novo.
Jesus disse em Lucas 18:17: “Digo-lhes a verdade: Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, nunca entrará nele”.”
O que Jesus quer nos ensinar é que precisamos viver os momentos, andar em simplicidade, não podemos ser crianças sérias demais, não podemos ser retraídos, ressentidos, amargurados. Precisamos ser crianças saudáveis, sempre dispostas, que nunca se opõem a uma brincadeira.
Fazer discípulos precisa ser um prazer! Buscar vidas precisa ser uma alegria! Como uma brincadeira diante do Pai!
Se os seus discípulos falam que dá trabalho demais, eles não estão se divertindo na obra! Se o fardo está pesado, você está longe da Graça do Senhor! Fazer a obra pode ser envolvente, gostoso, prazeroso. E se for assim, você nunca mais vai estar sozinho! Pois só com o coração de uma criança e em humildade teremos plena comunhão com Deus e encontraremos a verdadeira alegria no Senhor! Para nós precisa ser tudo festa! Nós estamos aqui para nos alegrar, a alegria do Senhor é a nossa força!
Deus te abençoe tremendamente e que a Alegria do Senhor te “contamine” e transforme a sua vida!
Pr. Wal - Igreja Águas - Mooca

LIÇÃO 013.10 – Semeando no coração!

LIÇÃO 013.10 – Semeando no coração!
Semana de 29.03.2010 a 03.04.2010

Queridos discípulos, o princípio bíblico de SEMEAR e COLHER é uma verdade que não se afasta de nossa vida e em todo tempo você está semeando.

Neste domingo tivemos uma marca de Deus como Igreja, pois decidimos semear amor pelas vidas cantando todas as noites e entregando nossas vozes para amar ao próximo e durante o culto, vários visitantes entrando na Igreja sem um convite formal, ou tendo combinado com alguém.
Nós sabemos que semeamos e a colheita é certa. Parabéns e louvado seja o nome do Senhor Jesus Cristo pelas sementes que você plantou indo nestas noites cantar em frente a Igreja. Assim como semeamos na Igreja você também vai semear em sua vida e sua célula.

“Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida.”Provérbios 4:23

Já aprendemos que em todo tempo estamos semeando e sementes são a base de nossa colheita.
Vemos neste texto em Provérbios que do nosso coração procedem fontes de vida.
Assim, é fundamental você saber o que tem plantado em seu coração. A quê você tem dado vida em seu coração?
Sabe, as vezes reclamamos tanto e definimos tão claramente questões impossíveis que damos vida ao impossível, ou seja, tornamos o possível em impossível, o agradável em desagradável, a amizade em inimizade, a verdade em mentira, a mentira em verdade, o prazer em desprazer o casamento em separação.
Tudo baseado nas sementes que plantamos em nosso coração.
Ouvi uma história de um entregador de leite que sempre contava ao seu colega de entrega que numa casa morava uma senhora que todas as manhãs quando ele tocava a campainha pra entregar o leite ela saia e o xingava, jogava águas, soltava os cachorros, agredia e todos os dias o colega ouvia esta história. Num certo dia o entregador de leite faltou e o chefe designou este colega para entregar o leite e teria que entregar na casa da “tal” senhora e quando chegou lá não pensou duas vezes, tocou a campainha e quando a senhora abriu a porta foi logo agredindo a senhora, pois não suportava o que ela fazia com seu colega.
Nós colhemos o que plantamos em nosso coração.
O Apóstolo Paulo, foi um discípulo de Jesus que passou por muitas dificuldades.
Seu alvo era nobre, levar o evangelho, consolidar a doutrina dos apóstolos, abrir igrejas, fazer discípulos.
Tão nobre alvo e vida deveria ser de uma pessoa especial, que não tem “dores de cabeça” que nós temos. Mas na verdade não era assim.
Ele ensinou em Filipenses 4:8 o que devo plantar em meu coração, em minha mente.

“Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento.

Querido, guarde seu coração! Semeie, plante em seu coração verdades, respeito, justiça, pureza, amor, boa fama, virtude e louvor.

Verifique se tem sido estas sementes de seu coração. Certamente as atitudes que você tem tido são o fruto das sementes que plantou em seu coração.

“Assim, pois, pelos seus frutos os conhecereis.” Mateus 7:20

Que tempo maravilhoso Deus está lhe dando. Deus lhe dá hoje autoridade, poder para decidir as sementes que plantará e os frutos que colherá.

Ore agora mesmo, pedindo perdão das sementes erradas no coração e clame que Deus retire as sementes e raízes equivocadas e plante hoje as sementes de Filipenses 4:8.

Decida fazer um exercício de autoridade, escreva em seu computador, geladeira, painel do carro, celular as palavras: verdades, respeito, justiça, pureza, amor, boa fama, virtude e louvor e todos as oportunidades que vir estas palavras lembre-se que são sementes.

Deixe Deus reinar nas sementes de seu coração e o único caminho para isso é Jesus Cristo.

Deus te abençoe. Receba Jesus Cristo em seu coração e suas sementes jamais faltarão.

Neste domingo culto de Páscoa com uma palavra especial para você e sua família. Venha receber as melhores sementes da palavra de Deus.

Acompanhe nosso blog www.aguasmooca.blogspot.com
Shalom, shalom.
Ap. Valdemir Arnesi – Mizinho (seu pastor)

domingo, 28 de março de 2010

ESCATOLOGIA - PROVA B

PROVA B – ETA
MATÉRIA: ESCATOLOGIA OU DOUTRINA DAS ÚLTIMAS COISAS
ALUNO: __________________________________ ____________________________
PROFESSOR (A): Ap. Bertoni TURMA: segunda-feira – 20h15
DATA DA AULA: 29/03/2010 DATA PARA ENTREGA: 12/04/2010
(*) após a data de entrega prevista a cada semana de atraso perderá 20% da nota.
ENTREGAR ESTA PROVA PARA: Dca. Silvana

1. Quais sinais precederão a vinda de Cristo em escala mundial, no mundo social, no mundo moral, no mundo político, no mundo físico, no mundo religioso e na constituição e vida de Israel?
Sinais dos últimos tempos no mundo social:

a.___________________________________. b.___________________________________.

c.___________________________________. d.___________________________________.

Sinais dos últimos tempos no mundo moral:

a.___________________________________. b.___________________________________.

c.___________________________________. d.___________________________________.

Sinais dos últimos tempos no mundo político:

a.___________________________________. b.___________________________________.

c.___________________________________. d.___________________________________.

Sinais dos últimos tempos no mundo físico:

a.___________________________________. b.___________________________________.

c.___________________________________. d.___________________________________.

Sinais dos últimos tempos no mundo religioso:

a.___________________________________. b.___________________________________.

c.___________________________________. d.___________________________________.

Sinais dos últimos tempos na constituição e vida de Israel:

a.___________________________________. b.___________________________________.

c.___________________________________.

2. Quais as definições Vetero-Testamentárias da grande tribulação?

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

3. Quais as definições Neo-Testamentárias da grande tribulação?

a._________________________________. b.________________________________.

c._________________________________. d.________________________________.

e._________________________________.

4. Qual a definição da palavra tribulação?

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

5. Quem Governará a Terra nesse Período?

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

6. Quem será o anticristo?

A) ___________________________________________________________________________.

B) ___________________________________________________________________________.

C) ___________________________________________________________________________.

D) ___________________________________________________________________________.

E) ___________________________________________________________________________.

F) ___________________________________________________________________________.

G) ___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

7. Quem será o falso profeta?

A) ___________________________________________________________________________.

B) ___________________________________________________________________________.

C) ___________________________________________________________________________.

D) ___________________________________________________________________________.



8. Quais as características da besta?

A) ___________________________________________________________________________.

B) ___________________________________________________________________________.

C) ___________________________________________________________________________.

D) ___________________________________________________________________________.

E) ___________________________________________________________________________.

F) ___________________________________________________________________________.

G) ___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

9. Qual a duração da grande tribulação e quais as características deste período?

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

10. Quais tragédias são previstas para o tempo da grande tribulação?


A) ___________________________________________________________________________.

B) ___________________________________________________________________________.

C) ___________________________________________________________________________.

D) ___________________________________________________________________________.

E) ___________________________________________________________________________.

F) ___________________________________________________________________________.

G) ___________________________________________________________________________.

H) ___________________________________________________________________________.

I) ___________________________________________________________________________.

terça-feira, 23 de março de 2010

O Talentoso e o Genial

Um dia, Arthur Schopenhauer saiu-se com esta: "Ter talento é acertar num alvo que ninguém acertou. Ser gênio é acertar num alvo que ninguém viu". É claro que o filósofo alemão estava falando dele mesmo, mas sua observação se aplica a qualquer área e a qualquer tempo. Schumacher é talentoso, Senna era gênio; Mel Brooks era talentoso, Woody Allen é gênio; Álvaro Siza é talentoso, Oscar Niemeyer é gênio; Tom Peters é talentoso, Peter Drucker era gênio, e por aí vai. No dia-a-dia do trabalho dentro das empresas, é raro que alguém seja qualificado como gênio, já os talentosos são encontrados com mais facilidade. Ser um talento é investir no desenvolvimento pessoal para alcançar o alto desempenho, ser um gênio é estar permanentemente preocupado com o desenvolvimento pessoal apesar do bom desempenho. O talentoso aumenta o resultado da empresa, o genial cria novas maneiras de aumentar ainda mais o resultado. O talentoso tem as respostas corretas, o genial faz as perguntas certas. O talentoso supera, o genial extrapola. O talentoso tem o emprego garantido, o genial tem a carreira garantida. Entre os líderes, há os talentosos e os geniais. Se alguém não for nem uma coisa nem outra, será no máximo um chefe. É preciso ter, pelo menos, talento para liderar pessoas em direção a um destino, mas, quando o líder é gênio, as coisas se movem com uma energia que, além de imensa, parece inesgotável. Líderes geniais colocam o futuro no presente com a facilidade de uma máquina do Spielberg, este, um cineasta genial. Fazem com que as pessoas desdenhem as dificuldades momentâneas em nome de um objetivo a ser alcançado no futuro. O psicólogo Viktor Frankl liderou seus companheiros de Auschwitz em direção a uma realidade futura, porque o presente era duro demais para ser suportado, e ninguém tinha o poder de mudá-lo. Mas o futuro pode, sim, ser construído de acordo com a nossa vontade -- afinal, por enquanto, ele só existe na nossa cabeça. Com isso Viktor salvou seus companheiros da depressão e da morte, pois viviam em função dessa realidade futura, que lhes pertencia por direito de criação. Coisa de gênio. Líderes geniais não trabalham com metas a serem atingidas, mas com causas a serem respeitadas. William Wallace, o herói escocês que liderou os camponeses a defender a pátria da invasão inglesa, não se referia às terras que tinham de ser preservadas, mas à liberdade que não podia ser perdida. A terra é uma propriedade, a liberdade é uma essência, e as pessoas precisam de causas para justificar sua existência. Em um mundo carente de valores, causas são artigo de luxo. Mas o líder genial sabe pintar o bonde da meta empresarial com as cores da causa existencial. Eugênio Mussak é professor e consultor, eugenio@ssdi.com.br
Fonte: Revista VOCÊ S/A - Maio/2006

segunda-feira, 22 de março de 2010

Estudo de Filipenses 1 - Pr. Waldemiro

Estudo de Filipenses 1 – Quinta-feira – 18/03/2010 – Pr. Wal
Filipenses é uma carta de alegria e encorajamento que estimula seus leitores a focalizar os pensamentos e ações em Jesus Cristo, ela foi escrita por Paulo enquanto estava preso e enviada à Filipos no ano 62 D.C.

1 Paulo e Timóteo, servos de Cristo Jesus, a todos os santos em Cristo Jesus que estão em Filipos, com os bispos e diáconos:

Ação de Graças e Oração

2 A vocês, graça e paz da parte de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo.
3 Agradeço a meu Deus toda vez que me lembro de vocês.

É uma carta pessoal, redigida a pessoas que tinham muita amizade e que caminharam juntos com o Apóstolo Paulo, imagino que, se o Apóstolo Paulo soubesse que sua carta seria publicada para milhões de pessoas, ele não abriria o coração como fez nos próximos versículos, mas é justamente o que ele expõe que torna este capítulo tão interessante.

4 Em todas as minhas orações em favor de vocês, sempre oro com alegria
5 por causa da cooperação que vocês têm dado ao evangelho, desde o primeiro dia até agora.

Aqui Paulo sinaliza um segredo para o evangelho, a intercessão (pouca oração, pouco poder, muita oração, muito poder), o Ap. Paulo teve contato com inúmeras Igrejas naquela época, e ainda assim, o versículo 4 deixa claro que Paulo orava de forma incessante pela Igreja de Filipos e seus amigos.

Você tem uma lista de oração? Tem orado pelas vidas que você quer ver convertidas?

6 Estou convencido de que aquele que começou boa obra em vocês, vai completá-la até o dia de Cristo Jesus.
7 É justo que eu assim me sinta a respeito de todos vocês, uma vez que os tenho em meu coração, pois, quer nas correntes que me prendem, quer defendendo e confirmando o evangelho, todos vocês participam comigo da graça de Deus.
8 Deus é minha testemunha de como tenho saudade de todos vocês, com a profunda afeição de Cristo Jesus.

Aqui vemos um testemunho do que é a unidade do Corpo de Cristo, nós somos a Noiva de Cristo e devemos andar unidos, na mesma graça, na mesma alegria, em comunhão uns com os outros (apesar das distâncias físicas).

9 Esta é a minha oração: Que o amor de vocês aumente cada vez mais em conhecimento e em toda a percepção,
10 para discernirem o que é melhor, a fim de serem puros e irrepreensíveis até o dia de Cristo,
11 cheios do fruto da justiça, fruto que vem por meio de Jesus Cristo, para glória e louvor de Deus.

É o amor do Senhor que nos guia e nos completa, Deus é Amor, e através deste amor nós somos cheios de alegria. E é na alegria do Senhor que temos a força de vencer todas as coisas. Isto é simples, mas no dia a dia, nós nos esquecemos e andamos constantemente na nossa auto-suficiência, pedindo ajuda a Deus apenas nos momentos de provação e dificuldade. Note que Paulo indica que o pleno discernimento do que é certo e errado é aperfeiçoado no Amor e na Alegria do Senhor!  Ne 8:10b: “a alegria do Senhor nos fortalecerá”

Os Sofrimentos de Paulo Contribuem para a Expansão do Evangelho

Esta carta é um testemunho de que, para um crente fiel, não importa a condição humana em que estejamos passando, em nossas bocas sempre haverá a Alegria do Senhor e um testemunho vivo do evangelho.

12 Quero que saibam, irmãos, que aquilo que me aconteceu tem, ao contrário, servido para o progresso do evangelho.
13 Como resultado, tornou-se evidente a toda a guarda do palácio e a todos os demais que estou na prisão por causa de Cristo.

Paulo se alegrava por que, na prisão, ele tinha condições evangelizar alguns da casa de Cesar, e o testemunho dele já tinha alcançado toda a guarda do palácio.

14 E os irmãos, em sua maioria, motivados no Senhor pela minha prisão, estão anunciando a palavra com maior determinação e destemor.

E o que deveria ter sido uma ação de Roma para coibir o evangelho, se tornou um motivador maior ainda! Os Romanos simplesmente não conseguiam compreender a motivação dos cristãos, Paulo na prisão só ajudou na expansão do evangelho!

15 É verdade que alguns pregam Cristo por inveja e rivalidade, mas outros o fazem de boa vontade.
16 Estes o fazem por amor, sabendo que aqui me encontro para a defesa do evangelho.
17 Aqueles pregam Cristo por ambição egoísta, sem sinceridade, pensando que me podem causar sofrimento enquanto estou preso.
18 Mas, que importa? O importante é que de qualquer forma, seja por motivos falsos ou verdadeiros, Cristo está sendo pregado, e por isso me alegro. De fato, continuarei a alegrar-me,

Aqui Paulo registra que o ambiente político e religioso da época era extremamente tenso, entre outras coisas, havia os que, com motivações erradas, também pregavam sobre Jesus Cristo. Ainda assim, Paulo se alegrava, pois o nome de Jesus estava sendo pregado.

19 pois sei que o que me aconteceu resultará em minha libertação, graças às orações de vocês e ao auxílio do Espírito de Jesus Cristo.
20 Aguardo ansiosamente e espero que em nada serei envergonhado. Ao contrário, com toda a determinação de sempre, também agora Cristo será engrandecido em meu corpo, quer pela vida, quer pela morte;
21 porque para mim o viver é Cristo e o morrer é lucro.
22 Caso continue vivendo no corpo, terei fruto do meu trabalho. E já não sei o que escolher!
23 Estou pressionado dos dois lados: desejo partir e estar com Cristo, o que é muito melhor;
24 contudo, é mais necessário, por causa de vocês, que eu permaneça no corpo.

Aqui Paulo abre seu coração aos seus amigos de Filipos, indicando que:
1º) Havia sim sofrimento na prisão, não há nenhum relato indicando que a vida de Paulo era agradável nesta época.
2º)Provavelmente este ambiente o fazia refletir muito se a hora de Paulo para ir para o Senhor já estava próxima, e este pensamento era delicioso! Para nós cristãos, o morrer é e será uma libertação tremenda para uma vida tão maravilhosa com Jesus Cristo que a nossa mente não é capaz de imaginar.
3º) Ainda assim, Paulo demonstra sua fidelidade com o evangelho e com o seu chamado aqui na terra, e demonstra perseverança para continuar caminhando, apesar de todas as aparências físicas indicando que poderiam mantê-lo na prisão até morrer!

25 Convencido disso, sei que vou permanecer e continuar com todos vocês, para o seu progresso e alegria na fé,
26 a fim de que, pela minha presença, outra vez a exultação de vocês em Cristo Jesus transborde por minha causa.
27 Não importa o que aconteça, exerçam a sua cidadania de maneira digna do evangelho de Cristo, para que assim, quer eu vá e os veja, quer apenas ouça a seu respeito em minha ausência, fique eu sabendo que vocês permanecem firmes num só espírito, lutando unânimes pela fé evangélica,

A única esperança do Ap. Paulo era no Senhor, e aqui ele demonstra que nem imaginava qual era a vontade do Pai para ele nesta época, ainda assim esta carta é cheia de amor e alegria.

Quantas vezes nós passamos por dificuldades infinitamente menores que estas e murmuramos, simplesmente esquecemos de levantar os nossos braços e agradecer por tudo que o Senhor já fez, e simplesmente não conseguimos nos lançar nos braços do Pai, na alegria do Senhor.

28 sem de forma alguma deixar-se intimidar por aqueles que se opõem a vocês. Para eles isso é sinal de destruição, mas para vocês, de salvação, e isso da parte de Deus;
29 pois a vocês foi dado o privilégio de não apenas crer em Cristo, mas também de sofrer por ele,
30 já que estão passando pelo mesmo combate que me viram enfrentar e agora ouvem que ainda enfrento.

O sofrimento pelo evangelho, quando é gerado pela conseqüência da nossa pregação (e não pelos nossos erros ou por não andarmos com Deus) é um privilégio e motivo de testemunho.

O Senhor tem alegria abundante para nós em toda e qualquer situação, Ele é a nossa Alegria, Ele é a nossa força.

Deus te abençoe,
Pr. Waldemiro - Igreja Águas Mooca

Você tem um Rei - Deus o Justo Juiz

Juízes, 17:6 – “Naqueles dias não havia rei em Israel; cada um fazia o que achava mais reto.”

Autor do livro de Juízes: provavelmente Samuel

Panorama: Depois de ter conquistado a terra prometida (Canaã), o povo de Israel passou por muitos altos e baixos e por muitas vezes esteve prestes a perder a terra que havia conquistado, por comprometer suas convicções, voltar-se para a idolatria, fazer alianças equivocadas, enfim, desobedecer a Deus abrindo assim espaço para o devorador em suas vidas, no meio do seu povo, em sua vida financeira, etc.
O amor de Deus nunca muda mas o pecado do povo fazia uma grande separação entre eles e Deus pois Deus não convive com o pecado.

Período bíblico: após a conquista da terra de Canaã, e a morte de Josué, o povo já dividido em 12 tribos falhou na adoração ao verdadeiro Deus e no ensino aos seus filhos do amor a Deus e da dedicação de suas vidas somente à Ele. Este período foi de 325 anos e registra 6 períodos de sucessiva opressão x libertação do povo, mediados por 12 juízes.

Porque o povo caía tanto? Várias situações faziam com que o povo caísse:

1. Perda do líder: Falecimento de um juiz - perdiam a referência.
• Não olhavam para Deus, mas sim para o homem.
• Abandonavam os propósitos que haviam feito diante de Deus, como andar retamente, não ter ídolos, adotavam os conceitos e costumes dos povos ao redor.
• Buscavam reconhecimento do líder, do mundo, dos amigos e não de Deus.

2. Desejo por independência – as 12 tribos começaram a desejar ser independentes.
• Não havia unidade no governo e nem na adoração.
• Perderam a lei (10 mandamentos)
• Adotaram outros ídolos (a independência como ídolo)
• Queda moral
• O desejo por independência se torna um ídolo acima da dedicação as coisas de Deus.
• Pese seus desejos em uma balança com os desejos de Deus.
3. A opressão (problema) traz quebrantamento
• A opressão testa a sua fidelidade
• A rebelião diante dos testes de Deus leva à confusão
• Não espere os testes para provar sua fidelidade à Deus

Deus te abençoe.
Apa Célia Arnesi – Igreja Águas Mooca

ESCATOLOGIA - PROVA A

PROVA A – ETA
MATÉRIA: ESCATOLOGIA OU DOUTRINA DAS ÚLTIMAS COISAS
ALUNO: __________________________________ ____________________________
PROFESSOR (A): Ap. Bertoni TURMA:– segunda-feira – 20h15
DATA DA AULA: 22/03/2010 DATA PARA ENTREGA: 05/04/2010
(*) após a data de entrega prevista a cada semana de atraso perderá 20% da nota.
ENTREGAR ESTA PROVA PARA: o mesmo

1. O que é escatologia? Fala de quais tipos de eventos? Do que trata a Escatologia?

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

2. Cite os principais fatos escatológicos em ordem cronológica:

a._______________________________. d.______________________________.

b._______________________________. e.______________________________.

c._______________________________. f._______________________________.

3. Quais fatos acontecerão com a vinda de Jesus para o arrebatamento da Igreja?

a._______________________________. c.______________________________.

b._______________________________. d.______________________________.

4. Quais são as coroas reservadas para o povo de Deus?

a._______________________________. c.______________________________.

b._______________________________. d.______________________________.

5. Quem receberá o galardão? Apenas cite as referências bíblicas.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

6. Qual a extensão de abrangência da vinda de Jesus? Cite a extensão, diga o porquê e copie da Bíblia, na Edição Revista e Atualizada, na íntegra, os versículos citados como base para as afirmações. Para a última alternativa não há versículo a ser citado.

__________________________________________________________________________►.
___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

7. Quais as diferenças entre rapto e revelação?

Nº NO RAPTO: NA REVELAÇÃO:
1
2
3
4
5

8. Quem será arrebatado? Quem não será arrebatado? (dividir em 4 respostas).

a.____________________________________________________________________.

b.____________________________________________________________________.

c.____________________________________________________________________.

d.____________________________________________________________________.

9. Quais serão os sinais que precederão o arrebatamento?

a._______________________________. d.______________________________.

b._______________________________. e.______________________________.

c._______________________________. f._______________________________.

g._______________________________. h.______________________________.

i.________________________________.

10. Quais serão os sinais destacáveis da vinda de Cristo?

a._______________________________. d.______________________________.

b._______________________________. e.______________________________.

c._______________________________. f._______________________________.

g._______________________________. h.______________________________.

LIÇÃO 012.10 – Semeando na família!

LIÇÃO 012.10 – Semeando na família!
Semana de 22.03.2010 a 27.03.2010

Queridos discípulos, o princípio bíblico de SEMEAR e COLHER é uma verdade que não se afasta de nossa vida como vimos na lição passada.

“e resistiram ao rei Uzias e lhe disseram: A ti, Uzias, não compete queimar incenso perante o SENHOR, mas aos sacerdotes, filhos de Arão, que são consagrados para este mister; sai do santuário, porque transgrediste; nem será isso para honra tua da parte do SENHOR Deus. 19 Então, Uzias se indignou; tinha o incensário na mão para queimar incenso; indignando-se ele, pois, contra os sacerdotes, a lepra lhe saiu na testa perante os sacerdotes, na Casa do SENHOR, junto ao altar do incenso. 21 Assim, ficou leproso o rei Uzias até ao dia da sua morte; e morou, por ser leproso, numa casa separada, porque foi excluído da Casa do SENHOR; e Jotão, seu filho, tinha a seu cargo a casa do rei, julgando o povo da terra. 22 Quanto aos mais atos de Uzias, tanto os primeiros como os últimos, o profeta Isaías, filho de Amoz, os escreveu.” (2 Crônicas 26: 18, 19, 21 a 22)

No texto acima, vemos um plantio familiar. O Réu Uzias homem que era reto perante o Senhor, foi considerado um Rei poderoso e vitorioso e muito próspero e em meio a toda esta grandeza, decidiu entrar no templo e queimar incenso.

Esta tarefa era exclusiva de sacerdote e não cabia ao rei.

Porém a semente que o Rei Uzias estava plantando era semente de orgulho, de altivez e de desobediência.

Sabe querido, as nossas atitudes são plantadas na nossa família e sempre estamos plantando.

Quando em nossa casa, falamos mal dos outros, nos almoços com cunhados, sogros, pais, irmãos falamos mal, aparentamos orgulhosos, ou nos alteramos, ou queremos tomar lugar de outros, ou até mesmo buscar os melhores lugares para nós mesmos e deixamos irmãos para trás ou menosprezados, estamos plantando.

Como você tem plantado em sua família? Como tem sido nosso comportamento? Aquilo que plantamos vamos colher.

Mais do que um plantio humanista, precisamos plantar sementes baseadas na bíblia.

A Palavra em João 13:34 e 15:17 nos “manda”amarmos uns aos outros, então quando somos homens de contendas e brigas e separação, colheremos estas mesmas sementes em nossas casas.

Parece que somos apenas bons e que ninguém nos engana mas colheremos na semente que plantamos.

É certo que não podemos nos deixar enganar, mas não podemos quebrar princípios bíblicos.

O Rei Uzias quebrou um princípio e colheu em sua pele, pois ficou leproso, mas muito mais que isso, ele colheu em sua família, pois seu filo Jotão se tornou Rei em seu lugar e fez o que era reto perante o Senhor, mas não adora ao Senhor, não ia ao Templo.

Veja que:
o Pai desobedeceu ao Senhor e fez o que apenas o sacerdote podia fazer;
o filho nem ia ao Templo adorar ao Senhor, e
o neto, Rei Acaz, pegou os utensílios do Templo, derreteu e fez ídolos, baalins para serem adorados em Jerusalém.
Que colheita terrível familiar nasceu da desobediência à Deus. Que este texto faça nascer temor em seu coração.

Hoje Deus nos ensina a plantar em nossas famílias sementes restauradas baseadas na palavra, sem quebrar princípios da palavra de Deus.

Se você planta imoralidade, adultério (desejo impuro), maledicência e outras coisas tão comuns em novelas e filmes que acabam passando em nossa casa como atitudes normais e corretas, hoje é o dia de pedir perdão por estas sementes malignas e começar um novo plantio.

As sementes vem de Deus. “Ora, aquele que dá semente ao que semeia e pão para alimento também suprirá e aumentará a vossa sementeira e multiplicará os frutos da vossa justiça” (2 Coríntios 9:10)

Para que você vá até Deus, Jesus é o caminho.
Hoje você receberá sementes boas para sua família.

Deus te abençoe. Receba Jesus Cristo em seu coração e suas sementes jamais faltarão.

Nesta quinta, sexta (20h) e sábado (19h) faremos uma cantata em frente a Igreja e você pode fazer uma MARAVILHOSO PLANTIO deixando sua voz ser usada por Deus cantando ou distribuindo folhetos durante a cantata. Não falte, plante e você vai colher.
Acompanhe nosso blog www.aguasmooca.blogspot.com
Shalom, shalom.
Ap. Valdemir Arnesi – Mizinho (seu pastor)

sábado, 20 de março de 2010

Adoração à Deus abençoa mil gerações

Introdução

III Joao 4 Não tenho maior alegria do que esta, a de ouvir que meus filhos andam na verdade.

Não podemos medir sucesso por: inteligência, riqueza, músculos ou beleza estes podem ser até mortais.

O desejo é q a família ame a Deus e q filhos amem uns Aos outros e atraímos vidas p Jesus c sua vidas

As teorias hj são: humanismo, relativismo, materialismo, hedonismo .

A palavra de Deus é a arma contra isso e ela está encapsulada nos 10 mandamentos.

Antes de tudo precisamos desligar nossa mente dos negativos das leis.

Há o legalismo (patrão); licensiosidade (inimiga) e liberdade (amiga)

Creia que os 10 mandamentos são fundamentais para sua vida e família.

Importante Deut 5:29 Quem dera que eles tivessem tal coração, que me temessem e guardassem em todo o tempo todos os meus mandamentos, para que bem lhes fosse a eles e a seus filhos, para sempre!

E Deut 6:6 e 7 diz q isso (mandamentos) é para a família.
6 Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração;
7 tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.

DIGA: meu lar será uma Escola da Lei!

O que estamos fazendo não é decorar os 10 mandamentos mas sim aprender a aplicá-los.

Veja no blog instruções: Deus-mingau. Pág 33 / "transformando Mandamentos em compromissos" pág 46 / pág 61 “transformando mandamentos em compromissos”

O 1 mandamento Amar a Deus, fala que temos: um Senhor, temos amor e temos uma Lei.
O 2 mandamento é: N terá outros deuses diante de mim. Ensina q não podemos deixar nada ficar ente nós e Deus.

Seu lar só terá sucesso fundamentado na palavra e nos 10 mandamentos.

Salmo 119:89 seus céus se submetem á palavra então sua vida só terá sucesso n palavra.
Para sempre, ó SENHOR, está firmada a tua palavra no céu.

Nós não quebramos os 10 mandamentos, eles nos quebram quando os violamos.

Quando alguém se joga da janela do prédio não quebra a lei da física, apenas demonstra, mas quebra a Lei de Deus.

O COMPLEMENTO DO 2. Não farás para ti imagens de escultura...
diz: não as adorarás, nem lhe darás culto.

1. Deus é Sem comparação.
A negativa pressupõe a afirmativa, ou seja, adorarás a Deus.
P que é adorar? Atribuir valor a alguma coisa.
A bíblia diz que nos tornamos semelhantes a aquilo que Adoramos. Então o q mais vc poderia dar aos seus filhos?
Não farás imagem diz de não limitar a Deus pois é maior q matéria.
João 4:24 Deus é espírito e importa q seus adoradores o adorem em espírito e em verdade.
Não da para tornar coisa.

2. Ídolos modernos
Martinho Lutero disse q aquilo em q seu coração se apegar este é seu Deus.
Eulogia no lugar de teologia, como Paulo disse em II Tim 3:2 amantes de si mesmos; cujo deus é o ventre Fil 3:19
Riqueza, família, qdo Deus é mais amado q a família a família se torna melhor amada.

3. Advertência
Exodo 20:5 Não as adorarás, nem lhes darás culto; porque eu sou o SENHOR, teu Deus, Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem
Adoração errada é pecado e gera problema aos filhos.

Assim como uma mulher grávida usuária de crack contamina seu filho, podemos contaminar os céus de nossos filhos e família com adoração errada.

Veja o exemplo do rei Uzias e seu filho Jotão e seu neto Acaz. Adoração errada é problema para família.

Exemplo: A mulher perguntou ao pastor, quando começar a ensinar os caminhos do Senhor ao meu filho? 6 anos, não... 3anos.. nào, 0 anos, não... resposta: desde os avós.

Sua adoração hj vai abençoar milhares da sua geração.

Ore agora peça perdão e decida adorar verdadeiramente a Deus.
Dta
Ap. Valdemir Arnesi - Mizinho
baseado no livro: Os 10 mandamentos da família.
Ministrado na Rede de Casais Igreja Águas em março de 2010.

quinta-feira, 18 de março de 2010

Rede de Casais - Mar 2010

Libertos do espírito de ártemis

Efésios 5

Para estudarmos esse capítulo precisamos conhecer um pouco da cidade de Éfeso.

Éfeso cidade situada na Ásia Menor, onde hoje é a Turquia, e era o centro comercial, religioso e político da Ásia Ocidental e foi fundada por Gregos de Atenas. Foi o berço da filosofia nos séculos VII e VI a.C, juntamente com a cidade de Mileto (também alcançada pelo evangelho de Cristo).

Éfeso era uma cidade rica e encontrava-se nela diversas iniciativas culturais, como por exemplo escolas filosóficas, escola de magos e diversas manifestações religiosas egípcias, gregas, romanas e judaicas.

A mais significativa em torno de Ártemis; a deusa do meio ambiente conhecida como Diana pelos romanos, a deusa da fertilidade.

Nos tempos apostólicos, Éfeso foi uma das cidades do Império Romano onde o cristianismo mais se difundiu. Os apóstolos Paulo e João pregaram na cidade. A igreja que havia em Éfeso no fim do primeiro século de nossa era foi uma das sete igrejas mencionadas no Apocalipse, ao lado de Esmirna, Pérgamo, Sardes, Tiatira, Filadélfia e Laodicéia.

No livro de Atos 18:19-28 Lucas (autor desse livro) nos descreve a chegada de Paulo a Éfeso, acompanhado de Áquila e sua esposa Priscila que são designados para ficarem ali, enquanto Paulo segue sua viagem. Quando eles chegaram em Éfeso conheceram Apolo, um jovem que pregava sobre Jesus e o batismo de arrependimento e encontra também alguns discípulos (At 19), mas estes não conheciam o Espirito Santo e não eram batizados no Espirito. Então Paulo os ensina e impondo as mãos os batiza com o Espirito Santo. Posteriormente Apolo é discipulado por Áquila e Priscila e segue pregando o evangelho em Éfeso onde muitas conversões acontecem.

O capítulo 5 da carta aos efésios é uma continuação do capítulo 4 que no capitulo 30 escreve que não devemos entristecer o Espirito Santo.

V-1 e 2 Ser imitador de Deus como um filho amado e viver em amor como também Cristo nos amou e se entregou por nós

Podemos entender esse versículo olhando a relação pai e filho. O filho vê o pai como seu herói e tudo o que o pai faz é bonito aos olhos dos filhos, e naturalmente o filho vai imitar as atitudes do pai, sejam elas boas ou ruins.

Deus é Pai, e precisamos imitá-lo, pois Ele é Santo (separado do pecado) e Sua Santidade que é a medida da perfeição.

Devemos nos separar, nos afastar do pecado cada vez mais e viver como Cristo viveu entre nós, em amor, e por causa desse amor Ele se entregou por nós como oferta e sacrifício de aroma agradável à Deus, para que receber o perdão dos pecados e para ter acesso à Sua Santidade .

Imitar a Deus como um filho amado e viver como Cristo viveu, é santificar-se diariamente (se afastar do pecado diariamente) e isso é oferta e sacrifício de aroma agradável, pois não tem o fedor do pecado em nós.

Do versículo 3 a 5 o Apóstolo Paulo nos ensina quais são os pecados que devemos nos afastar, que são imoralidade sexual, impureza e cobiça, obscenidade, conversas tolas, gracejos imorais, ganância e idolatria. Finaliza o versículo 5 dizendo que quem pratica essas coisas não herdará o Reino de Deus.

Voltando um pouco na história de Éfeso entendemos o que o Ap. Paulo está querendo ensinar seus discípulos, pois aquela uma sociedade muito rica em diversos aspectos, e uma cidade muito importante, isso trazia a autosuficiência e a ganância, a cobiça, a imoralidade, etc.

E hoje em dia se olharmos para a nossa sociedade, para a nossa cidade, para o nosso bairro, vamos ver as mesmas coisas que os santos de Éfeso, do tempo de Paulo, já enfrentavam. Imoralidade sexual, impureza e cobiça, obscenidade, conversas tolas, gracejos imorais, ganância e idolatria (carnaval, big brother, novelas, prostituição em casas noturnas ou nas ruas, etc)

Temos que tomar cuidado a quem estamos dando ouvidos, pois muitas palavras tolas, podem no enganar, um espírito de humanismo ronda a nossa sociedade e a nossa mente, e o seu próprio bem estar, a sua vontade, o seus desejos, segundo esse espírito que profere essas tolices devem estar em primeiro lugar, antes mesmo do que da vontade de Deus que é boa, perfeita e agradável (Rm 12:2).

Devemos vigiar para que essas setas malignas não nos acerte e não contamine a nossa mente, não estrague a oferta à Deus (v 6-7). Se tivermos dúvidas de algo, um ensino, ou uma opinião, devemos expo-las à Luz, qual seja a Luz de Cristo, apresentá-las ao Senhor, pois trevas e Luz não combinam e onde há Luz, as trevas não prevalecem, e onde há Luz o seu fruto se manifesta que são bondade, justiça e verdade (v 8-13).

V.14 Se você está dormindo (espiritual), não acordou para as coisas que o mundo está fazendo com você, é hora de despertar, para Cristo resplandeça sobre ti.

Como já foi dito o Ap. Paulo estava ensinando aos efésios a terem um relacionamento com o Espirito Santo e nos versículos 18 a 20 aprendemos como podemos nos aprofundar nesse relacionamento.

Para nos encher do Espírito Santo devemos cantar e louvar e adorar a Deus o tempo todo e ser gratos à Deus, sempre por todas as coisas, boas ou ruins, em nome de Jesus.
O vinho embriaga e leva à libertinagem, mas o Espírito Santo nos leva a imitar o Senhor.

Esse capítulo 5 da carta aos efésios, nos traz também o ensino de como deve ser o lar cristão [v 22 a 33]
Naquela época em Éfeso a deusa mais popular, ou mais conhecida eras Diana [na mitologia romana] ou Ártemis [na mitologia grega], era a deusa da lua e da caça, filha de Júpiter e de Latona, e irmã gêmea de Apolo, obteve do pai permissão para não se casar. Júpiter [o pai de Diana] forneceu-lhe um séquito [conjunto de pessoas que acompanham outra por obrigação ou por cortesia] de 80 ninfas [espíritos, geralmente alados, habitantes dos lagos e riachos, bosques, florestas, prados e montanhas e estão associadas a deuses e deusas maiores.] que, como ela, renunciaram ao casamento. No centro de Éfeso, havia um enorme templo dedicado à Diana com centenas de sacerdotisas virgens, as quais praticavam a abstinência sexual e artes mágicas, acreditando na superioridade feminina.

Em nome de Jesus que esse espírito de Artemis/Diana deixe nossas casas, [mulheres dizendo] a minha vida me tornando submissa ao meu esposo, que é o cabeça da minha casa, o sacerdote do lar, e que eu possa me sujeitar ao meu marido, assim como a igreja está sujeita a Cristo.
[marido dizendo] Em nome de Jesus.....da minha vida, pois eu quero ser o cabeça do lar, o sacerdote que minha esposa precisa, que eu ame minha esposa cada vez mais, assim como Cristo amou a igreja, Espírito Santo me de sabedoria e unção para que eu possa santificá-la e lavá-la com água mediante a palavra de Deus, e apresentá-la à Deus sem rugas ou máculas, mas santa e inculpável.
[ambos] Que nós sejamos a família que o Senhor quer que sejamos, um só corpo amando-nos mutuamente e nos respeitando mutuamente. Em nome de Jesus. Amém.

Conclusão.
Precisamos cada vez mais ser cheios do Espírito Santo, nosso Consolador, nosso Conselheiro, através de um relacionamento íntimo, para que sejamos imitadores de Deus e vivamos em amor assim como Cristo amou e se entregou por nós. Para que em tudo que fizermos façamos como oferta e sacrifício à Deus, SANTO E DE AROMA AGRADÁVEL À ELE

Deus os abençoe.
Pr. Kleber Jacinto (pastor Rede de Jovens) Igreja Águas Mooca

terça-feira, 16 de março de 2010

Por você

Por você - Pão Diário 16/03/2010

Leitura Bíblica
Marcos 10.32-34

Bendito é o que vem em nome do Senhor (Mc 11.9).

A última semana de vida de Jesus foi muito intensa. Entra em Jerusalém, aclamado como rei por um povo descomprometido e carente de sua graça, sem dela se apropriar. De lá, vai para o templo, onde confronta a atitude religiosa gananciosa que iludia e aprisionava. Fala, então, do fim, da vida, da autoridade política, da ressurreição, do maior mandamento, do que significa um coração convertido ao Pai, do tipo de atitude de amor que ele espera. Ao reunir-se com seus discípulos para a festa da Páscoa, se antevê como cordeiro a ser entregue, pão a ser partido, sangue a ser derramado. Pão e vinho o remetem à morte que salva. Os discípulos ouvem, mas não entendem. Amizade se mistura à traição. Logo, um jardim se converte em cárcere, lugar de luta e dor. Luta com o Pai, luta contra as forças do mal, luta com sua humanidade, luta por toda a humanidade. Preso, mas não derrotado, Jesus é humilhado e espancado. Levado perante autoridades humanas que ironicamente têm o poder sobre sua vida, é como ovelha diante dos matadores. Pilatos não suja as mãos, suja a alma inquieta. Soldados o vestem com roupas reais em zombaria. Espinhos por coroa e cruz por trono lhe são dados. De lá, ainda governa, sem forças, sem pompa, mas com poder redime o criminoso arrependido, perdoa os que nem sabem o que fazem e despede-se do mundo onde vivera como homem por 33 anos. No momento maior de dor, a do espírito supera a dor do corpo: “Deus meu, por que me desamparaste?”. A sensação de abandono do Pai era por causa dos nossos pecados que ele levava sobre si. O Cordeiro de Deus estava morto, seu sangue derramado. A vida e a salvação foram dados. Três dias de sombras não o detêm e, no domingo seguinte, ele ressurge dos mortos, vivo e triunfante, cheio da glória de Deus. Esperança de vida, garantia de perdão, realidade da graça e do amor de Deus. Tudo isso por amor a mim e a você. Como será esta sua próxima semana? - WMJ

Cristo não foi morto. Ele se deixou matar. Ele morreu por amar você.

segunda-feira, 15 de março de 2010

CRISTOLOGIA - PROVA B

PROVA B – ETA
MATÉRIA: CRISTOLOGIA
ALUNO: __________________________________ ____________________________
PROFESSOR (A): Ap. Valdemri Arnesi - Mizinho TURMA:– segunda-feira – 20h15
DATA DA AULA: 15/03/2010 DATA PARA ENTREGA: 29/03/2010
(*) * após a data de entrega prevista a cada semana de atraso perderá 20% da nota.
ENTREGAR ESTA PROVA PARA: Dca. Silvana

1. Como é definida e encarnação de Cristo e o que ela tornou possível?

______________________________________________________________________________.

______________________________________________________________________________.

2. Cite os fatos maravilhosos relacionados com a encarnação de Cristo (somente cite).

a.________________________________. e._______________________________.

b.________________________________. f._______________________________.

c.________________________________. g._______________________________.

d.________________________________. h._______________________________.

3. Transcreva 2 versículos que nos mostram o engano de pessoas que não aceitam a humanidade de Jesus, segundo a apostila, inclusive referências.

a.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

b.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

4. Transcreva 2 versículos que nos mostram que Jesus é verdadeiramente Deus, segundo a apostila, inclusive referências.

a.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

b.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

5. Quantas vezes lemos nos Evangelhos que Jesus é referido como Filho do Homem?

______________________________________________________________________________.

6. Aprendemos que Jesus Cristo não é filho adotado e nem filho criado. Como podemos então definir que Ele é Filho?

______________________________________________________________________________.

______________________________________________________________________________.

7. Quais são os três ofícios mediadores de Cristo?

______________________________________________________________________________.

8. Como posso definir seu Ofício Profético?

a._____________________________________________________________________.

b._____________________________________________________________________.

c._____________________________________________________________________.

9. Como posso falar de seu Ofício Sacerdotal através de versículos bíblicos?

a.______________________________________________________________________.

b.______________________________________________________________________.

c.______________________________________________________________________.

d.______________________________________________________________________.

e.______________________________________________________________________.

f.______________________________________________________________________.

10. Por que Ele tem o Ofício de Rei?

a.____________________________________________________________________.

b.____________________________________________________________________.

c.____________________________________________________________________.

Quem é o "Anjo do Senhor"? - Estudos

Em discussão na Escola Teológica fomos desafiados a estudar este tema e segue abaixo alguns estudos encontrados na internet com suas fontes.

Deus te abençoe.

Ap. Mizinho

http://www.gotquestions.org/Portugues/anjo-do-Senhor.html
Quem é o anjo do Senhor?

Pergunta: "Quem é o anjo do Senhor?"

Resposta: A identidade precisa do "anjo so Senhor" não nos é dada especificamente na Bíblia. No entanto, há várias “dicas” importantes para a sua identidade. Há referências no Velho e Novo Testamento a “anjos do Senhor”, “um anjo do Senhor” e “O anjo do Senhor”. Aparenta ser o caso que quando o artigo definido “o” é usado, está especificando um ser único, separado dos outros anjos. O anjo do Senhor fala como Deus, identifica-se com Deus e exercita as responsabilidades de Deus (Gênesis 16:7-12; 21: 17-18; 22:11-18; Êxodo 3:2; Juízes 2:1-4; 5:23; 6:11-24; 13:3-22; 2 Samuel 24:16; Zacarias 1:12; 3:1; 12:8). Em várias outras aparições, aqueles que viram o anjo do Senhor temeram por suas próprias vidas porque eles tinham “visto o Senhor”. Portanto, é claro que em pelo menos alguns casos, o anjo do Senhor é uma teofania, uma aparição de Deus em forma física.

As aparições do anjo do Senhor cessaram depois da encarnação de Cristo. Anjos são mencionados inúmeras vezes no Novo Testamento, mas “O anjo do Senhor” nunca é mencionado no Novo Testamento. É possível que as aparições do anjo do Senhor eram manifestações de Jesus antes de Sua encarnação. Jesus Se declarou como sendo existente “antes de Abraão” (João 8:58), então é lógico que Ele estava ativo e manifesto ao mundo. Qualquer que seja o caso, se o anjo do Senhor era uma aparição do Cristo pré-encarnado (Cristofania), ou uma aparição de Deus Pai (teofania), é muito provável que a frase “anjo do Senhor” identifica uma aparição física de Deus.


http://www.cacp.org.br/estudos/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=1287&menu=7&submenu=5
Como podemos enteder a expressão “Anjo do Senhor”?

Nem sempre quando encontramos a expressão o anjo do Senhor, está claro que se refere à Pessoa do Senhor Jesus, pois há ocasiões que um mero anjo é identificado com Deus. Nesses contextos, o propósito é mostrar que o anjo está agindo e falando como representante de Deus. Mas, algumas vezes, o anjo indica a presença imediata de Deus (Êx 23.20-23; 32.34; 33.14,15; Is 63.9). Nesses textos Deus está prometendo andar e orientar o povo de Israel. O anjo mencionado em Êx 32.24 é chamado em Êx 33.14-15 de a minha presença, essa expressão poderia ser traduzida literalmente por a minha face. Em Is 63.9, o anjo da sua presença, no hebraico, significa não somente o anjo que se conserva na presença de Deus, mas também naquele em quem Deus é visto.

Theophania, é uma palavra composta pelos vocábulos gregos Theós (Deus), e phainein, (aparecer), significando uma manifestação visível de Deus. Tais teofanias são atribuídas a Segunda Pessoa da Trindade, Jesus Cristo. Elas não têm o objetivo de demonstrar a forma do Senhor, mas visa apenas dar uma mensagem, ao passo que a forma visível atrai meramente e fixa a atenção. O livro de Apocalipse dá uma notável visão de Jesus Cristo ressurrecto e glorificado (1.12-20).

Fonte: Revista DF

http://www.answering-islam.org/portugues/quem-e-jesus/teofania.html
O Anjo do Senhor
“Um estudo de Teofanias nas Escrituras”
Callum Beck
Tradução de R.G.
I
O Anjo do Senhor (lit. JEOVÁ) que aparece em diversas passagens do Novo Testamento é comparado com, e no entanto diferenciado, de JEOVÁ. A passagem que melhor descreve esta relação encontra-se em Isaías 63:8-9, onde Deus é chamado de Salvador de Israel, mas é o Anjo da Sua presença que salva Israel. Este Anjo de Deus é geralmente visto pelos primeiros pais da Igreja como o Logos ou a Palavra de Deus (João 1:1), aquele que declarou Deus e cuja glória nós vimos (João 1:14,18; cf João 12:45; 14:9; II Coríntios 4:4-6; Colossenses 1:15; 2:9; Hebreus1:3). Veja-se E. W. Hengstenberg, Cristologia do Velho Testamento, pp. 80-91, 1279-1312 para uma discussão profunda do assunto. Segue uma lista de versículos onde este Anjo/Logos aparece:
Génesis 16:7-14; 21:17-19; 22:1-2,11-18; 31:11-13 com 28:13 & 35:1,3,7,15; 48:15-16
Êxodo 3:1-6; 13:21-22 w/ 14:19 & Números 20:16; 23:20-23. Cf Actos 7:30-38
Números 22:21-35. Cf 22:9,20; 23:3-5,15-16; 24:2,4,16
Juízes 2:1-5; 6:11-24; 13:2-23
Isaías 63:8-9
Oseias 12:3-5. Cf Génesis 32:24-30
Zacarias 1:7-12: 2:3-5,8-11; 3:1-10; 12:8
Malaquias 3:1 (mensageiro da aliança = anjo da aliança).
Este Anjo/Logos é primeiramente chamado de Anjo de JEOVÁ (Malak Yahweh), mas também é referido como o Anjo de Deus (Elohim), o Anjo, o meu Anjo e um Anjo. Por vezes, no entanto, essas expressões são utilizadas em outras figuras (Êxodo 32:34-33:4; Eclesiastes 5:6; Malaquias 2:7; 3:1 ‘o meu mensageiro), e por vezes não é certo se se pretende referir ao Logos ou a um anjo normal (Génesis 24:7,40; Juízes 5:23; II Samuel 24:16-17; I Reis 19:5-7; II Reis 1:3,15; 19:35; I Crónicas 21:11-30; II Crónicas 32:21; Salmos 34:7; 35:5-6; Isaías 37:36; Daniel 6:22).


II
O Logos também apareceu no Venho Testamento em várias formas humanas (Génesis 18:1-19:22; 21:1 com 18:10; 32:24-30; Possua 5:13-6:2; Ezequiel 1:25-2:4; 8:1-4; Daniel 3:25,28; 8:15-16; 10:5-9,16-11:1; 12:6-9; Zacarias 11:4-17; 13:7). O homem que lutou com Jacob (Génesis 32:24-30) é especificamente chamado de “o Anjo...até JEOVÁ” em Oseias 12:3-5, o comandante do exército do Senhor (Josué 5:14) é quase certamente o anjo de Êxodo 23:20-23 & Números 22:21-35, e provavelmente todas as figuras que são referidas como o Anjo do Senhor.

III
Também existem outras teofanias, ou manifestações de Deus, no Velho Testamento. Essas não estão associadas a qualquer forma angelical ou humana em particular. Veja-se por exemplo:
Génesis 12:7; 17:1-22; 26:2,24; 28:13-17; 35:1,9
Êxodo 19:3,8-25; 20:18-22; 24:1-2,9-18; 29:42-46; 31:18; 32:30-34:11; 34:29-35; 40:34-35
Números 1:1; 9:15-23; 11:16-17,24-25; 12:4-10; 14:10-14; 16:42; 20:6-7
Deuteronómio 1:30-33; 4:10-15,32-37; 5:4-5,22-27; 33:2; 34:10
Job 38:1; 42:5
Isaías 6:1 com João 12:39-41
Ezequiel 1:1; 3:23-24; 9:3-4; 10:1-4,18-20; 11:22-23; 43:1-7; 44:4; 48:35
Amós 9:1
Mais uma vez parece que em muitos desses casos, se não mesmo em todos, Deus apareceu na forma do Seu Anjo. Isto é certo no caso da teofania a Jacob em Betel, pois em Génesis 31:11-13 o Anjo do Senhor diz que Ele é o Deus de Betel a quem Jacob tinha feito um voto em Génesis 28:18-22. Também parece que a presença (literalmente “face”) de JEOVÁ em Êxodos 33:14-15 é outro titulo para o Anjo de Êxodo 23:20-23, pois ambos desenvolvem o mesmo trabalho de liderar Israel para a terra prometida (cf Deuteronómio 4:37). Mais evidências deste facto vêm da expressão “Anjo da Sua Presença” (lit. “face”). Parece ter sido formado por conjugação de dois nomes e sugere que o profeta inspirado equacionou a “face de JEOVÁ” com “o Anjo em quem está o nome do Senhor (Êxodo 23:21).
IV
A escritura declara que nenhum homem viu ou pode ver Deus (Êxodo 33:20, João 1:18; 5:37; I Timóteo 6:16; I John 4:12,20), excepto, é claro, Jesus (João 6:46). Porém, temos muitas aparições de Deus no Velho Testamento, conforme já referimos e a declaração expressa de Jesus de que aquele que o viu também viu o Pai (João 1:18; 12:45; 14:9). João 12:38-41 expressamente identifica Deus com Jesus em Isaías 6:1. A única conclusão lógica que pode ser retirada de tudo isto é que Jesus, na sua forma pré-encarnada como a Palavra = Logos, também desenvolveu o trabalho de revelar Deus ao Homem no tempo do Velho Testamento. O Logos manifestou-se a si próprio na forma do Anjo, algumas vezes como figura humana, algumas vezes na natureza (Êxodo 13:21; 20:18-22), e algumas vezes de forma não identificada (e.g., Génesis 17:1,22; 35:9). Porque o Logos é ao mesmo tempo com Deus e é Deus (João 1:1), também pode ser verdade, simultaneamente, que o Homem no Velho Testamento viu Deus e que nenhum homem viu Deus em qualquer altura. Outros aspectos a realçar é que parece que apenas Moisés, de todos os profetas, viu o Pai, embora não literalmente face a face (Êxodo 33:18-23; 34:5-7,29; Números 12:6-8; Deuteronomyio34:10); e no tempo que está para vir nós veremos Deus como Ele é (Job 19:25-27; Salmos 11:7; 17:15; Mateus 5:8; I John 3:2; Apocalipse 22:4).
Estudo Especial de Daniel
1. O Anjo/Palavra é manifestado como:
1. Um como o filho dos deuses = O Seu anjo - 3:25,28; 6:22.
2. O Príncipe Celestial - 8:11,25; cf Josué 5:14.
3. Um Santo falando - 8:13-14; cf 12:6-7.
4. Com a aparência de um homem = um homem vestido com linho - 8:15-16; 10:5-9,16-19; 12:6-7; cf Ezequiel 9-10.
5. O grande Senhor de Daniel - 10:17 (ver C. 4 abaixo).
6. O Messias -
a) Um como o filho do Homem 7:13-14.
b) Príncipe (nagid) / Ungido 9:24-25.
2. Miguel é manifestado como:
1. Parte do fiel Anfitrião Celestial - 8:10-12.
2. Um dos Príncipes Principais (sar) - 10:13.
3. O Príncipe de Israel (sar) - 10:21; 12:1; cf Judas 9 & Apocalipse 12:7.
3. Gabriel é manifestado como:
1. Parte do Fiel Anfitrião Celestial - 8:10-12.
2. Um santo que questionou o Anjo - 8:13-14; cf 12:6-7.
3. O Anjo de Interpretação - 7:16; 8:16-19; 9:21-22; 10:10-15,20-11:1; 12:8-9.
Ele entregou as revelações em 7:17-27; 8:19-26; 9:22-27; 11:2-12:4; 12:9-13.
4. Senhor menor de Daniel - 10:16b-17,19b; 12:8.
5. Um dos anjos pelo rio - 12:5-6.
4. Nota sobre batalha espiritual:
O Príncipe de Israel, Miguel, teve em batalha como Príncipe da Pérsia no primeiro ano de Dário, o Medo (11.1). Gabriel foi enviado para “confirmar e fortalecer Miguel (11.1) em resposta à oração de Daniel (cf. Capítulo 9, especialmente v. 23). O seu apoio, pela análise de 9.1. e 9.20-23 pareceu, primeiramente, destinado a ajudar Daniel a ter entendimento sobre a visão, que neste caso envolveu a entrega da profecia messiânica à humanidade.
Parece que Gabriel ficou sozinho a batalhar os Reis da Pérsia (10:13,21). Daniel orou por ajuda para perceber outra (10:1-3,12), mas o Príncipe da Pérsia está a evitar que Gabriel chegasse através de Daniel (10:12-13). Deste modo, Miguel veio para a ajuda de Gabriel (10:13), libertando-o de modo que ele pudesse dar a Daniel entendimento do que iria acontecer ao seu povo nos últimos dias (10:14).
Dois pontos de interesse. Primeiro, o que acontece na terra (oração) move forças celestiais na batalha contra os principados e poderes, e eles, em volta, ministram aos homens (no livro de Daniel primeiramente através de dando entendimento sobre eventos futuros ao povo de Deus e o seu Messias). Em segundo lugar, Gabriel, que é um dos principais guerreiros de Deus contra as forças demoníacas, também tem conhecimento do poder futuro deles e da sua final destruição. Isto deve ter sido de grande consolação para ele à medida que se preparava para uma batalha futura contra os inimigos de Deus.

Estudo Especial em Ezequiel
1. O Anjo/Palavra
1. Visões de Deus - 1:1; cf 8:3; 11:24; 40:2.
2. Glória de Jeová - 3:23; 8:4; 9:3; 10:4, 18-20; 11:22-23; 43:1-7; 44:4.
3. Uma semelhança como um homem - 1:25-2:4; 8:1-4; 10:20.
4. O Messias (?) Príncipe (nasi) - 44:2-3, etc. (17 vezes em Ezequiel 44-48); cf 34:24 & 37:25.
Repara que, a Glória de Jeová e o ser que parece como um homem, estão de facto na mesma figura. Compara 10:20 com 1:26-28.
2. Duas Figuras Importantes
1. O homem em Linho Branco - 9:2-4,6,11; 10:2-3,6-7.
2. O homem cuja aparência era como bronze, o qual guia Ezequiel na volta ao Templo 40:3-4; 42:6; 44:1,4; 46:19-47:12.
3. Anjos
1. Os quatro seres viventes = Querubim 1:5-25; 10:1-22.
2. Os seis anjos destruidores - 9:1-7.
O Anjo no Novo Testamento
Não há menção do Anjo do Senhor nos Evangelhos ou nas Epístolas e apenas uma referencia história em Actos (7:38). É necessário perguntar porque razão uma figura tão destacada no Velho Testamento desaparece subitamente no Novo. A resposta é clara, não desapareceu. Apenas assumiu uma diferente forma. Na Nova Aliança o Anjo do Senhor incarnou como Jesus, o Messias. Todos os atributos e trabalho antes descritos como sendo do Anjo são agora encontrados em Cristo. Através de ambos Deus desenvolve as suas tarefas de redenção, julgamento e revelação. E não são ambas as pessoas justamente descritas na expressão do escritor de Hebreus: “" o brilho da Sua Glória e a própria imagem da Sua substância
No entanto, o Anjo/Logos reaparece no último livro do Novo Testamento e aqui revela-se em toda a sua glória (Apocalipse 1:10-4:1; 14:14-16(?); 19:11-21; 22:7,12-20). João equaciona-o, claramente, com as figuras em Ezequiel e Daniel que tinham a aparência de um homem. Mais à frente é designado como a Palavra de Deus (19:13), o Filho de Deus (2:18), e como aquele que estava morto e que vive para sempre. Se fosse necessária qualquer outra prova que o Anjo do Senhor é o Logos na sua forma pré incarnada, isto seria suficiente. A descrição de João de “um como o filho do homem” também esclarece que o Anjo é uma pessoa divina – pois ele, como o Pai (1:8), é o Alfa e o Ómega, o Principio e o Fim (22:13).
Se você encontrar qualquer equívoco sobre fatos (seja por erro de digitação ou por má interpretação doutrinária) nestas páginas, ou palavras ofensivas, me contate que sentirei-me feliz em as corrigir.

LIÇÃO 011.10 – Você está semeando!

Semana de 15.03.2010 a 20.03.2010


Queridos discípulos, a experiência que tivemos neste final de semana foi sobrenatural e abriu nossa visão do reino de Deus, sua grande comissão e nosso chamado missionário. Em maio receberemos a visita e ministração do Pr. Oswaldo Prado, líder do ministério Sepal, que também tem trabalhado intensamente no campo missionário. Não perca!

Semear, “zara” no hebraico é uma palavra citada na bíblia que significa plantar, gerar, conceber, engravidar.

Semear é um princípio bíblico e os princípios bíblicos são regras e normas que Deus colocou que vão reger a vida do homem diante de Deus e dos homens.

Um destes princípios é da SEMEADURA E COLHEITA, que nos ensina que o plantamos, colheremos.

Vamos estudar este princípio e ligá-lo em nossas vidas.

Este princípio é ligado no tempo. Não podemos desligar SEMEADURA e COLHEITA do tempo.

Toda esta ação está diretamente ligada no tempo, tão ligada que em todo tempo este princípio está acontecendo. É ação no presente que gera futuro, então em todo o presente está tendo uma ação. Neste exato momento estamos SEMEANDO.

É quase que um princípio científico de causa e efeito ou ação e reação.

Em geral esta princípio é divulgado e interpretado como apenas punição, amedrontamento ou exortação.
“porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás” - Gêneses 2:17b
“Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.”Gálatas 6:7
“O salário do pecado é a morte.” Romanos 6:23

Mas este princípio bíblico de SEMEADURA E COLHEITA, apesar de não muito ensinado desta forma, se refere a ALEGRIA.
“5 Os que com lágrimas semeiam com júbilo ceifarão. 6 Quem sai andando e chorando, enquanto semeia, voltará com júbilo, trazendo os seus feixes.” - Salmo 126:6

Semear não é uma punição, ou pena, mas uma forma de gerar alegria.

Pode ser difícil semear, a dificuldade de semear está ligada às terras e solos duros, áridos, sem água, debaixo de muito calor, ou frio.
Em nossas vidas os choros da semeadura se referem a morrer em nossos desejos e continuar semeando, mesmo contra as dificuldades.
Amar o marido, esposa, filhos, discípulos são sementes preciosas, assim como murmuração, palavras de desânimo e desistência são sementes destruidoras de futuro.

Assim podemos perceber que SEMEAR aponta SEMPRE para algo.

Hoje quero ver duas coisas:

1. Em todo tempo estamos semeando
Já ouvimos que a semeadura é opcional mas a colheita é obrigatória.
Porém não temos opção de semear ou não, pois todo presente gera um futuro e em todo presente plantamos e semeamos nosso futuro.
Assim somos obrigados a semear e a colher.
Veja este exemplo: Se plantamos NADA colheremos NADA.

Hoje quero lhe dizer que estamos semeando o tempo todo, plantando o tempo todo. Você está plantando agora.

Neste momento você está plantando ouvir a palavra ou prestar atenção ou desviar atenção ou namorar de forma impura ou ofertar ou deixar de ofertar ou mudar de vida ou esperar o tempo do Senhor ou ter uma semana de testemunho ou crescer em Deus e ser discípulo modelo.
Você está plantando o TEMPO TODO.

Hoje vivemos o que plantamos, isto pode frustrá-lo ou impulsioná-lo a mudar.

2. O que Deus deixou em suas mãos é a opção de qual semente e a quantidade.
“E isto afirmo: aquele que semeia pouco, pouco também ceifará; e o que semeia com fartura com abundância também ceifará.” 2 Coríntios 9:6

Na sua casa, você decide qual semente vai plantar e em qual quantidade. Sementes de amor, de honra, carinho, agressividade, indiferença e suas quantidades.

Decidi todos os dias falar aos meus filhos que eu os Amo, então eu escuto todos os dias que me amam.
Decidi ser carinhoso com eles e colho muito carinho deles.
Planto a beleza da minha esposa e colho uma mulher curada emocionalmente.

Deus deixou em suas mãos o poder de SEMEAR.

SEMEAR é uma arma tremenda em suas mãos, pois você decida a sua colheita.
Porém as sementes são escolhidas por você.
Quais sementes você tem escolhido? Quanto tem plantado?

Deus nos ensinou que temos autoridade nos céus e na terra, gostamos de uma oração que muda imediatamente as coisas, mas este princípio nos ensina que precisamos viver plantando, para viver colhendo.

Deus plantou, semeou seu filho para colher filhos salvos e libertos. Talvez ele poderia ter feito algo mais imediato, mas obedeceu seus princípios.

Eu e você não estamos livres dos princípios, mas sim submissos e hoje é tempo de escolher boas sementes e definir o que vamos colher.

Hoje tem semente de perdão, de alegria, de renúncia, de misericórdia, se fé, de palavras de ânimo, de cura, de amor ao próximo, de respeito, de ousadia e outras sementes.

Nunca lhe faltará sementes, pois elas vem do Senhor, mas há sementes malignas das obras da carne.

Hoje você tem a decisão. Decida semear vida abundante, ler a palavra, ganhar sua família para Jesus, consagrar sua vida financeira través dos dízimos e ofertas, trazer todos seus amigos para célula, ser discípulo fiel, ser firme em seus compromissos com Deus, família, trabalho e igreja.

Você já tem as sementes e vai plantar as melhores e colherá a vida abundante que o Senhor tem para você.

Toda autoridade lhe foi dada. Você é discípulo de Jesus. Plante as sementes do Seu Reino e determine um futuro de uma colheita agradável e sobrenatural.

Deus te abençoe. Receba Jesus Cristo em seu coração e suas sementes jamais faltarão.

Acompanhe nosso blog www.aguasmooca.blogspot.com
Shalom, shalom.
Ap. Valdemir Arnesi – Mizinho (seu pastor)

terça-feira, 9 de março de 2010

MISSSIONÁRIO NA MOOCA

Neste domingo às 10h, na Igreja Águas Mooca (Rua Jumana, 18 - trav Av. Paes de Barros), ouviremos as experiências e ministração do Rev. Vassílius e todo seu trabalho no Oriente Médio.

Venha, traga sua família e amigos, será uma manhã INESQUECÍVEL.

Deus os abençoe.

Valdemir Arnesi - Mizinho (seu pastor)

Mooca - Um bairro PRÓSPERO

segunda-feira, 8 de março de 2010

CRISTOLOGIA - PROVA A

PROVA A – ETA
MATÉRIA: CRISTOLOGIA
ALUNO: __________________________________ ____________________________
PROFESSOR (A): Ap. Valdemir Arnesi - Mizinho TURMA:– segunda-feira – 20h15
DATA DA AULA: 08/03/2010 DATA PARA ENTREGA: 22/03/2010
(*) * após a data de entrega prevista a cada semana de atraso perderá 20% da nota.
ENTREGAR ESTA PROVA PARA: o mesmo

1. No quadro de profecias do Velho Testamento a respeito de Cristo, em quais situações ele foi abandonado, entrou, sofreu menosprezo, nasceu e foi semente? Cite um texto do Velho Testamento e um texto do cumprimento no Novo Testamento.














2. O que significa a preexistência de Cristo? Qual o primeiro texto bíblico que fala dessa condição de preexistência? (apenas cite o texto).

___________________________________________________________________________.

___________________________________________________________________________.

3. Quais as evidências em seus títulos especiais de sua pré-existência ou quais são os seus títulos?
a._______________________________.

b._______________________________.

c._______________________________.
4. Faça uma lista, mediante a apostila, citando os fatos em que Jesus aparece como o Anjo do Senhor e cite a referência bíblica correspondente.
a.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

b.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

c.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

d.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

e.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

f.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

g.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

h.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

i.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

j.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

k.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

l.______________________________________________________________________.

_______________________________________________________________________.

m._____________________________________________________________________.

LIÇÃO 010.10 – Chega de contendas!

Semana de 08.03.2010 a 13.03.2010

Querido discípulo, tivemos encontro e Retiro e estamos marcados por um final de semana cheio da Glória de Deus e sua presença nos ministrando.

Vidas transformadas, casamentos restaurados, corações curados, discípulos consolidados, novos discípulos sendo recebidos na igreja, testemunho de benção.

Que tempo MARAVILHOSO!!!

Já sabemos que toda ação desata uma reação e o apóstolo Pedro nos ensinou no versículo 8 do capítulo 5 que o diabo, vosso adversário, anda ao derredor procurando a quem possa tragar.

Neste tempo MARAVILHOSO, é certo que uma reação se preparar para acontecer, mas a sabedoria do Senhor é maior e não permitirá o sucesso do inimigo em sua vida.

O apóstolo Tiago, irmão de Jesus foi desatado em seu ministério após ver Cristo ressuscitado e sua epístola é uma das mais antigas do Novo Testamento datando de cerca de 42 a 62 anos depois de Cristo.

Sua epístola trata das dificuldades dos novos convertidos e em especial da vida do crente e seus relacionamentos e em especial no Capítulo 4, ele ensina de onde vem as guerra e contendas entre as pessoas. Leia Tiago 4: 1 a 10 e veja:

A origem das guerras e contendas nos relacionamentos são:
• Motivação dos nossos pedidos
Ele ensina que nossos pedidos precisam ser colocados aos pés do Senhor e não imposições ao Senhor. Esta atitude muda seu coração e lhe faz ser quebrantado e não um autoritário ou inflexível.
Assim nosso pedidos precisam ser colocados ao pés do Senhor e não lançados na cabeça do Senhor, como se Ele fosse nosso funcionário ou mandado por nós.
Ele ensina que os nossos pedidos jamais podem tomar o lugar de Deus. Tudo o que você precisa é Deus e Ele fará o melhor para você. Quando nossos pedidos ficam em primeiro lugar, abrimos o tempo de guerras e contendas entre irmãos.
O apóstolo Tiago, viu que o coração do homem quando não tem Deus em primeiro lugar vive em guerras com os irmãos.
Dê o primeiro lugar de seu coração para Deus. Se Deus fizer ou não o que você quer Ele vai continuar sendo Deus para você?
Deus é soberano e ele fará sempre o melhor, confie no senhor. “Entrega o teu caminho ao SENHOR, confia nele, e o mais ele fará.” Salmos 37:5
Eu e você fomos chamados para Louvar o Senhor. “Todo ser que respira louve ao SENHOR. Aleluia!” Salmos 150:6
Louvar lembra dos feitos do Senhor e Adorar lembra de quem Ele é. Se fomos chamados para louvar é porque sempre temos feitos dEle pra louvá-lo, então independente das repostas que já obteve ou não de Deus, LOUVE.

• Sujeitai-vos à Deus / Chegai-vos à Deus
Tiago aponta como origem de contendas corações que não são sujeitos à Deus. Quando não somos sujeitos à Deus, também não somos sujeitos aos nosso líderes, pastores e deixamos de ser discípulos, pois só São discípulos aqueles que fazem o que Jesus manda.
Não estar sujeito à Deus e não se achegar à ele em sujeição gera guerra e contendas pois mais uma vez são corações inciumados, ensoberbados, egocêntricos que matam relacionamentos.

• Purificai vossas mãos
O pecado gera contenda, quando pecamos nos separamos de Deus, nosso coração procura razões, argumentos e justificativas para encobrir ou aliviar nosso pecado.
O Rei Davi, não tinha guerra contra Urias, mas depois do pecado entrou num ódio tremendo contra ele ao ponto de levá-lo à morte. Pecado gera contenda.

• Não seja de ânimo dobre, inconstante
Os constantes altos e baixos de nossas emoções, geram contendas e guerras, onde em nossos relacionamentos as pessoas ao nosso redor não sabem se estamos “de bem” ou “de mal” ou num linguajar popular “que lua você está hoje”.
É certo que nossas emoções são afetadas por diversas aflições, mas nossa conduta deve ser inabalável. Assim o Senhor nos ensinou a ser.
Tiago, com certeza, não está se referindo a ninguém nunca ter tristezas e dias difíceis, mas ele se refere àqueles que sempre estão em tristeza e dias difíceis. Pense no último ano, nos alvos, nas metas que teve, nos seus amigos. Como foram os momentos? Ora amigo, ora chateado, ora abrindo coração, ora fechando o coroação, isto gera guerras e contendas.

O que fazer para que sejam paralisadas as guerras e contendas entre os irmãos?
Tiago mostra o caminho de se humilhar à Deus, não viver falsos risos e alegrias, mas se colocar na presença do Senhor com pranto e tristeza pelas contendas que tem vivido, jamais passando dias como se nada estivesse acontecendo e como se não precisasse mais destas pessoas ao redor.

Veja que Tiago nem cita nestes versículos de atitudes com o irmão, mas que as soluções das contendas estão na sua postura com Deus.

Busque o senhor hoje, aos pés dEle e os relacionamentos serão restaurados.

Deus te ama e quer te ensinar a viver a vida abundante entregue a partir de Jesus Cristo.

Receba Jesus Cristo em seu coração e encontre relacionamentos curados.

Acompanhe nosso blog www.aguasmooca.blogspot.com
Próximo Domingo (14/03) às 10h Culto das Gerações
Deus te abençoe, shalom, shalom.
Ap. Valdemir Arnesi – Mizinho (seu pastor)

quarta-feira, 3 de março de 2010

segunda-feira, 1 de março de 2010

LIÇÃO 009.10 – Habite com El Elyon

LIÇÃO 009.10 – Habite com El Elyon
Semana de 01.03.2010 a 06.03.2010

Querido discípulo, neste final de semana conquistamos várias vidas ao Senhor Jesus e por isso alegre-se comigo, pois ai está o principal objetivo do amor de Deus em nossas vidas: evangelizar e fazer discípulos.
Os dias são maus diz a palavra, e não estamos livres de andarmos temerosos e assustados e o Salmo 91 é lido e entendido como o grande ensino de libertação em nossas vidas.
Leia todo o Salmo 91 e veja quantos ensinos.
Destes ensinos quero firmar em seu coração que os versículos 3 a 7 trazem a promessa de livramento e libertação e assim será sobre sua vida.
Você será livre das ciladas e armadilhas.
Você será livre do terro noturno (depressão, insônia, perda de sono)
Você será livre da seta que voa de dia (acusações na mente)
Você será livre da peste que se propaga nas trevas (todo mal lançado contra sua vida)
Você será livre da mortandade que assola ao meio dia (espírito de morte)
Deus é maravilhoso e te ama e SEMPRE te ensina a ser livre de tudo que possa ser lançado contra sua vida.
Abra o seu coração para esse amor gratuito sobre sua vida.
Talvez seu coração se abre para as dificuldades, problemas, medos, temores, acusações, mas você não deixa seu coração se abrir para este amor incondicional.
Hoje é mais um dia de ser amado por Deus.
Todo este livramento não é apenas algo liberado que aconteça sobre sua vida sem nenhum relacionamento com aquele que te livra.
Deus no versículo 1 te chama a habitar no esconderijo do altíssimo.
Meu filho, eu e você não fomos chamados para visitar a Deus semanalmente, ou nos tempos difíceis, ou nos cultos de ceia, mas nos chama a habitar com Ele.
Habitar fala de voltar sempre, pra ele, ter seu endereço, sua rota, seus caminhos sempre voltados para Ele.
Muitas vezes nossos corações se voltam ou voltam sempre, para as dores das rejeições, das humilhações, dos traumas, dos medos, das inseguranças, mas hoje Deus te chama para habitar, ter o endereço do seu coração com Ele.
Isto significa sempre voltar para Ele. Este que sempre volta para Ele é o que tem todos estes livramentos acima.
Quer ter estes livramentos? Habite, tem o endereço do seu coração com Ele.
Na palavra, Deus se mostra com seus nomes e Altíssimo no hebraico é El Elyon, o Deus acima de todas os deusos e acima de todas as coisas.
Quando seu endereço, sua habitação é com o Deus acima de todas as coisas o poder destas coisas, sutos, temores, rejeições e dores, perdem seu poder e você não viverá assustado e não cairá em ciladas, laços e armadilhas.
Hoje inaugure um tempo novo de libertação em sua vida.
Sua vitória esta no endereço que escolher para viver, decida viver, morar, habitar com El Elyon o Deus acima de todos as coisas.
Receba Jesus Cristo em seu coração e encontre seu novo endereço.

Fique atento aos avisos no Blog e venha se alimentar do que Deus tem preparado para sua vida.
Retiro e Encontro 05 a 07/03, incrições com Eliane e Dca. Silvana.
Deus te abençoe, shalom, shalom.
Ap. Valdemir Arnesi – Mizinho (seu pastor)
Esta palavra foi baseada na apostial de Batalha Espiritual da Dra. Neuza Itioka